A Jornada para Casa | por Karen Berg

Para muitos de nós, a vida pode parecer algumas vezes como o título da famosa peça de Eugene O’Neil, Longa Jornada Noite adentro. Podemos ser acometidos de muitas lutas. A vida pode parecer, muitas vezes, um desafio. No entanto, o que nos mantém na jornada? Acordamos a cada dia para continuar em uma missão que é muito maior do que nós. Sim, a vida tem seus altos e baixos, mas pode também trazer muitas recompensas. É a faísca do Criador que cada um de nós abriga dentro de si esperando para ser acesa como uma chama,  que nos proporciona a satisfação que procuramos na vida. Como muitas pessoas que alcançaram fama ou fortuna atestam, estas coisas não trouxeram a eles a felicidade que esperavam. A nossa Terra Prometida é o estado de se tornar como o Criador, em todos os Seus atributos de amor, do compartilhar, de generosidade e de bondade. É neste plano que nós vivemos uma vida de paz, bênçãos e realização. Esta semana, completamos o mês de Câncer e concluímos o quarto livro da Torah. Nossa jornada pode ter parecido longa, mas valeu a pena. Nós evoluímos e nos tornamos pessoas melhores, com corações maiores e a capacidade para atingir coisas incríveis. Estamos mais próximos de chegar à nossa própria Terra Prometida, qualquer que seja ela para cada um de nós. Nesta semana, nós damos os passos finais para a vida e o mundo que recebemos, merecemos e tem sido prometido por tanto tempo.

A orientação do Criador esta semana vem na forma de duas porções da Torah. Esta semana temos uma porção dobrada chamada Matot-Masei. Pode ser traduzido como “a jornada das tribos.” Hoje, mesmo que nós não nos identifiquemos, somos as tribos de Israel. Somos os grandes descendentes do povo sobre o qual lemos a cada semana e nossa jornada continua seguindo até os dias de hoje. Como os israelitas, nós continuamos  em frente pela travessia da vida, sempre aprendendo e crescendo. Andamos pelo mundo, descobrindo como nos tornar seres de amor e que compartilham, que é o nosso destino. A tarefa pode parecer simples, mas mesmo após milhares de anos, ainda somos incapazes de nos dar bem com nosso próprio vizinho. A jornada é autêntica e o objetivo não é fácil. No entanto, o Divino está sempre conosco em nossa jornada, nos guiando, nos encorajando e se certificando que iremos alcançar nosso destino. À medida que lemos sobre a jornada dos israelitas, ganhamos a energia que precisamos para seguir em frente. Existem 42 paradas citadas em Masei. Essa é a dica do poder que esta semana disponibiliza para nós. A oração dos kabalistas, conhecida como Ana Beko’ach, é composta de 42 letras. Essas 42 letras são componentes essenciais para o mundo e para nossas vidas. Nesta semana, nos é dada a energia para trazer mais controle à nossa jornada, garantindo que alcancemos nosso destino. Um destino de realização, amor e paz. A cada ano de nossas vidas, percorremos um ciclo que nos aproxima ainda mais da missão e propósito de nossa alma.

A história de Matot-Masei é nossa história. Nós continuamos pela estrada da vida porque o destino vale a pena. À medida que caminhamos adiante a cada dia, aprendemos que quando escolhemos o amor, o amor retorna para nós como um bumerangue. Aprendemos que cabe a nós compartilhar e cuidar, pois quanto mais amor espalhamos pelo mundo, melhor é o mundo para todos nós. Alcançar nossos sonhos requer muito mais do que trabalho duro, é necessária uma transformação interna. À medida que viajamos, nos são dadas oportunidades para compartilhar e para amar nosso próximo. Percebemos que a vida é muito mais doce, e a jornada mais agradável, quando escolhemos dar as mãos para eles ao invés de cerrar os punhos. Entramos em um plano de realizações duradouras e de paz cada vez que escolhemos sorrir e estender nossos corações aos outros seres humanos. Nesta semana nos é dado o necessário estímulo para completar a jornada da vida até a casa que está à nossa espera.

Em suas meditações, torne-se o chefe da tribo. Vista os sapatos do líder. Para muitos de vocês que leem isto, vocês podem ser os únicos em suas famílias ou no círculos de amigos que viajam no caminho espiritual. Por isto, você é um líder. Você pode liderar sendo um exemplo, escolhendo o caminho do amor e da dignidade humana. Você pode demonstrar o verdadeiro poder que se encontra no amor e na bondade. Veja-se esta semana como o chefe da tribo, guiando sua alma, e a alma dos outros, em direção ao momento em que a paz e o amor tomarão conta do mundo. Com as energias renovadas e otimismo, você lidera a si e aos que você ama, em direção à vida de nossos sonhos. Uma vida e um mundo onde o amor reine supremo, a bondade prevaleça e a dor e sofrimentos sejam coisas do passado. Esta é a terra que nos foi prometida. É a terra que faz a jornada para casa valer a pena.

→ clique aqui para ler outros artigos de Karen Berg

 

Para muitos de nós, a vida pode parecer algumas vezes como o título da famosa peça de Eugene O’Neil, Longa Jornada Noite adentro. Podemos ser acometidos de muitas lutas. A vida pode parecer, muitas vezes, um desafio. No entanto, o que nos mantém na jornada? Acordamos a cada dia para continuar em uma missão que é muito maior do que nós. Sim, a vida tem seus altos e baixos, mas pode também trazer muitas recompensas. É a faísca do Criador que cada um de nós abriga dentro de si esperando para ser acesa como uma chama,  que nos proporciona a satisfação que procuramos na vida. Como muitas pessoas que alcançaram fama ou fortuna atestam, estas coisas não trouxeram a eles a felicidade que esperavam. A nossa Terra Prometida é o estado de se tornar como o Criador, em todos os Seus atributos de amor, do compartilhar, de generosidade e de bondade. É neste plano que nós vivemos uma vida de paz, bênçãos e realização. Esta semana, completamos o mês de Câncer e concluímos o quarto livro da Torah. Nossa jornada pode ter parecido longa, mas valeu a pena. Nós evoluímos e nos tornamos pessoas melhores, com corações maiores e a capacidade para atingir coisas incríveis. Estamos mais próximos de chegar à nossa própria Terra Prometida, qualquer que seja ela para cada um de nós. Nesta semana, nós damos os passos finais para a vida e o mundo que recebemos, merecemos e tem sido prometido por tanto tempo.

A orientação do Criador esta semana vem na forma de duas porções da Torah. Esta semana temos uma porção dobrada chamada Matot-Masei. Pode ser traduzido como “a jornada das tribos.” Hoje, mesmo que nós não nos identifiquemos, somos as tribos de Israel. Somos os grandes descendentes do povo sobre o qual lemos a cada semana e nossa jornada continua seguindo até os dias de hoje. Como os israelitas, nós continuamos  em frente pela travessia da vida, sempre aprendendo e crescendo. Andamos pelo mundo, descobrindo como nos tornar seres de amor e que compartilham, que é o nosso destino. A tarefa pode parecer simples, mas mesmo após milhares de anos, ainda somos incapazes de nos dar bem com nosso próprio vizinho. A jornada é autêntica e o objetivo não é fácil. No entanto, o Divino está sempre conosco em nossa jornada, nos guiando, nos encorajando e se certificando que iremos alcançar nosso destino. À medida que lemos sobre a jornada dos israelitas, ganhamos a energia que precisamos para seguir em frente. Existem 42 paradas citadas em Masei. Essa é a dica do poder que esta semana disponibiliza para nós. A oração dos kabalistas, conhecida como Ana Beko’ach, é composta de 42 letras. Essas 42 letras são componentes essenciais para o mundo e para nossas vidas. Nesta semana, nos é dada a energia para trazer mais controle à nossa jornada, garantindo que alcancemos nosso destino. Um destino de realização, amor e paz. A cada ano de nossas vidas, percorremos um ciclo que nos aproxima ainda mais da missão e propósito de nossa alma.

A história de Matot-Masei é nossa história. Nós continuamos pela estrada da vida porque o destino vale a pena. À medida que caminhamos adiante a cada dia, aprendemos que quando escolhemos o amor, o amor retorna para nós como um bumerangue. Aprendemos que cabe a nós compartilhar e cuidar, pois quanto mais amor espalhamos pelo mundo, melhor é o mundo para todos nós. Alcançar nossos sonhos requer muito mais do que trabalho duro, é necessária uma transformação interna. À medida que viajamos, nos são dadas oportunidades para compartilhar e para amar nosso próximo. Percebemos que a vida é muito mais doce, e a jornada mais agradável, quando escolhemos dar as mãos para eles ao invés de cerrar os punhos. Entramos em um plano de realizações duradouras e de paz cada vez que escolhemos sorrir e estender nossos corações aos outros seres humanos. Nesta semana nos é dado o necessário estímulo para completar a jornada da vida até a casa que está à nossa espera.

Em suas meditações, torne-se o chefe da tribo. Vista os sapatos do líder. Para muitos de vocês que leem isto, vocês podem ser os únicos em suas famílias ou no círculos de amigos que viajam no caminho espiritual. Por isto, você é um líder. Você pode liderar sendo um exemplo, escolhendo o caminho do amor e da dignidade humana. Você pode demonstrar o verdadeiro poder que se encontra no amor e na bondade. Veja-se esta semana como o chefe da tribo, guiando sua alma, e a alma dos outros, em direção ao momento em que a paz e o amor tomarão conta do mundo. Com as energias renovadas e otimismo, você lidera a si e aos que você ama, em direção à vida de nossos sonhos. Uma vida e um mundo onde o amor reine supremo, a bondade prevaleça e a dor e sofrimentos sejam coisas do passado. Esta é a terra que nos foi prometida. É a terra que faz a jornada para casa valer a pena.

→ clique aqui para ler outros artigos de Karen Berg