Elevação para a Terra de Israel | por Michael Berg

Está escrito na primeira frase da porção de Ki Tavo: Ki tavo el ha'aretz, vehaya ki tavo el ha'aretz, "e será quando você vier para a Terra", asher Hashem eloheikha noten lakha, "que o Criador dará para você". Aqui, Moisés está falando aos israelitas no final dos 40 anos, enquanto se prepara para deixar este mundo; eles logo entrarão na terra de Israel sob a liderança de Josué.

Os kabalistas ensinam que o segredo do versículo - e, portanto, o segredo do Shabat de Ki Tavo - não é entrar na terra física de Israel como os israelitas fizeram milhares de anos atrás, mas sim na elevação do indivíduo para o chamado Mundo Superior. Rav Berg costuma dizer que consciência é tudo, que onde estão os pensamentos e a consciência de uma pessoa é onde ela está. Então, a questão é: como elevamos nossa consciência para aquele Mundo Superior?

A resposta é relativamente direta e simples se pensarmos a respeito.

Quando damos importância, ou ficamos irritados, ou preocupados com as coisas deste mundo físico, o mundo do Desejo de Receber Apenas para Si Mesmo, que é o que todos nós fazemos 99% do tempo, na verdade estamos tomando nossa consciência e mergulhando ainda mais na fisicalidade deste mundo. Por exemplo, quando alguém diz algo que nos perturba, devemos nos perguntar: esse é o tipo de coisa que perturbaria uma alma que reside no Mundo Superior, em um mundo que não tem apego ao ego? Se é algo que quase sempre nos incomoda, perturba ou nos preocupa, é porque estamos apegados à fisicalidade deste mundo e ao nosso ego.

Isso também é verdade a respeito de coisas que nos fazem felizes e que gostamos; mas quais são essas coisas? Se formos honestos com nós mesmos, percebemos que 99,9% do que nos traz alegria não são as coisas desse mundo espiritual, mas as coisas físicas deste mundo. E isso é perigoso por muitas razões, porque um de nossos propósitos na vida é nos separar deste mundo e nos apegar ao Mundo Superior.

Também está escrito nesta porção: vehaya ki tavo el ha'aretz; os kabalistas explicam que, quando vehaya é usado, refere-se à alegria. Isso nos ensina que a única alegria que uma pessoa pode realmente experimentar é elevar-se ao Mundo Superior. A única verdadeira alegria é nos desapegar do mundo da fisicalidade e nos apegar ao Mundo Superior.

Então, novamente, a Terra de Israel mencionada aqui não é a terra física real, mas o Reino Espiritual Superior. E nós temos a escolha - queremos continuar a residir no mundo do Desejo de Receber Apenas para Si Mesmo ou queremos nos desapegar e entrar, asher Hashem eloheikha noten lakha, na Terra onde o Criador nos dá Luz e bênçãos constantemente? Muitos de nós, mesmo aqueles que são espiritualizados, pensam que temos uma escolha e que não há problema em permanecer relativamente apegados, dizendo a nós mesmos: "Eu sei que, a longo prazo, provavelmente não quero estar apegado. Mas tenho tempo, sou espiritualizado, faço todas essas outras coisas".

No entanto, não há escolha, porque a razão pela qual estamos neste mundo é nos separarmos do mundo do lado negativo e nos apegarmos, nesta vida, em nossa consciência, ao Mundo Superior, e, através disso, atrair ilimitadas bênçãos e milagres da Luz. É um presente incrível que a porção e o Shabat de Ki Tavo nos dão: a assistência para elevar nossa consciência ao Mundo Superior, à Terra de Israel.
 

→ clique aqui para ler outros artigos de Michael Berg

 

Está escrito na primeira frase da porção de Ki Tavo: Ki tavo el ha'aretz, vehaya ki tavo el ha'aretz, "e será quando você vier para a Terra", asher Hashem eloheikha noten lakha, "que o Criador dará para você". Aqui, Moisés está falando aos israelitas no final dos 40 anos, enquanto se prepara para deixar este mundo; eles logo entrarão na terra de Israel sob a liderança de Josué.

Os kabalistas ensinam que o segredo do versículo - e, portanto, o segredo do Shabat de Ki Tavo - não é entrar na terra física de Israel como os israelitas fizeram milhares de anos atrás, mas sim na elevação do indivíduo para o chamado Mundo Superior. Rav Berg costuma dizer que consciência é tudo, que onde estão os pensamentos e a consciência de uma pessoa é onde ela está. Então, a questão é: como elevamos nossa consciência para aquele Mundo Superior?

A resposta é relativamente direta e simples se pensarmos a respeito.

Quando damos importância, ou ficamos irritados, ou preocupados com as coisas deste mundo físico, o mundo do Desejo de Receber Apenas para Si Mesmo, que é o que todos nós fazemos 99% do tempo, na verdade estamos tomando nossa consciência e mergulhando ainda mais na fisicalidade deste mundo. Por exemplo, quando alguém diz algo que nos perturba, devemos nos perguntar: esse é o tipo de coisa que perturbaria uma alma que reside no Mundo Superior, em um mundo que não tem apego ao ego? Se é algo que quase sempre nos incomoda, perturba ou nos preocupa, é porque estamos apegados à fisicalidade deste mundo e ao nosso ego.

Isso também é verdade a respeito de coisas que nos fazem felizes e que gostamos; mas quais são essas coisas? Se formos honestos com nós mesmos, percebemos que 99,9% do que nos traz alegria não são as coisas desse mundo espiritual, mas as coisas físicas deste mundo. E isso é perigoso por muitas razões, porque um de nossos propósitos na vida é nos separar deste mundo e nos apegar ao Mundo Superior.

Também está escrito nesta porção: vehaya ki tavo el ha'aretz; os kabalistas explicam que, quando vehaya é usado, refere-se à alegria. Isso nos ensina que a única alegria que uma pessoa pode realmente experimentar é elevar-se ao Mundo Superior. A única verdadeira alegria é nos desapegar do mundo da fisicalidade e nos apegar ao Mundo Superior.

Então, novamente, a Terra de Israel mencionada aqui não é a terra física real, mas o Reino Espiritual Superior. E nós temos a escolha - queremos continuar a residir no mundo do Desejo de Receber Apenas para Si Mesmo ou queremos nos desapegar e entrar, asher Hashem eloheikha noten lakha, na Terra onde o Criador nos dá Luz e bênçãos constantemente? Muitos de nós, mesmo aqueles que são espiritualizados, pensam que temos uma escolha e que não há problema em permanecer relativamente apegados, dizendo a nós mesmos: "Eu sei que, a longo prazo, provavelmente não quero estar apegado. Mas tenho tempo, sou espiritualizado, faço todas essas outras coisas".

No entanto, não há escolha, porque a razão pela qual estamos neste mundo é nos separarmos do mundo do lado negativo e nos apegarmos, nesta vida, em nossa consciência, ao Mundo Superior, e, através disso, atrair ilimitadas bênçãos e milagres da Luz. É um presente incrível que a porção e o Shabat de Ki Tavo nos dão: a assistência para elevar nossa consciência ao Mundo Superior, à Terra de Israel.
 

→ clique aqui para ler outros artigos de Michael Berg