Aprecie Tudo (Mesmo As Bolas Com Efeito Que A Vida Devolve) | Por Karen Berg

Nesta época do ano, quando o clima está frio e os dias são mais curtos, eu penso em todas as sementes que estão a espera no fundo da terra. Eu penso na beleza que virá na primavera, mesmo agora quando as folhas estão morrendo, e parece não haver nem cor, nem vida. Eu penso em toda vida que ainda está por vir.

É assim que funciona a vida. Existe um ciclo das estações e assim também acontece em nossas vidas. Eu gostaria de dizer que na vida não teremos invernos – mas teremos. Eu gostaria de prometer uma vida sem desafios, mas não posso. Estar vivo é ter desafios. A chave para superar esses momentos é enxergá-los da forma que realmente são: oportunidades para aprender, crescer e chegar cada vez mais perto da realização. Na porção desta semana, José se encontra em situações bem difíceis. Seus irmãos tentaram matá-lo, e como não conseguiram, eles o jogaram em uma cova. Então, o venderam como escravo a estrangeiros, em uma terra desconhecida onde ele acabou na cadeia por um crime que não cometeu. Nada fácil, certo pessoal? Esses tipos de situações aparentemente nunca acontecerão para nós, mas com certeza nos veremos em alguns momentos negativos durante a vida.  Momentos em que questionamos: “Deus, por que isto está acontecendo comigo?”. Momentos em que dizemos: “Ei, eu sou uma boa pessoa. Olhe para todo o bem que já fiz. Eu doei algum dinheiro quando eu pude. Eu ajudei alguns amigos quando eles precisaram. Eu não matei ninguém. Por que isso está acontecendo comigo?”.  Quando sentimos que a vida está nos jogando uma bola com efeito e as coisas ficam difíceis, vamos tentar nos colocar em um lugar onde podemos apreciar que tudo que está acontecendo é para nosso próprio bem, mesmo não entendendo o motivo. Um lugar onde confiamos no Criador e na sabedoria do Universo.

José manteve a certeza de que tudo que estava vivendo vinha da Luz e por uma boa razão. E mais, ele sabia que o que estava vivendo era mesmo necessário. Caso José não tivesse sido vendido ao Egito, a limpeza espiritual do povo de Israel não teria acontecido. Por causa de seu nível de consciência, José transformou cada perigo em uma benção.  A maioria de vocês sabe como a história termina. José se torna o governador de todo o Egito e todas as riquezas passaram por suas mãos. Nós também podemos nos elevar até esse nível. Todos nós temos o poder de José dentro de nós e conseguimos acessá-lo ao saber que há o bem em todas as dificuldades que estamos enfrentando. Com frequência, ao mudar um pouquinho nossa percepção, podemos apreciar cada desafio como um passo importante e vital para o nosso próximo nível. Cada um de nós, eu espero, pode olhar para trás em nossas vidas e ver como a maioria das experiências difíceis deram lugar a algumas das maiores bênçãos. Aposto também que podemos ficar gratos por nossas preces não terem sido atendidas naquele momento. Encontre o diamante bruto. Tire um momento para apreciar a beleza da paisagem enbranquecida do inverno. Esteja disposto a ver que a semente não pode crescer a não ser no frio e no escuro solo da Terra. Valorize-se a fim de enxergar que o que está acontecendo agora em sua vida é para o seu próprio bem. Qualquer obstáculo que você esteja enfrentando é parte do processo para que o bem encontre o caminho até você. Ame o Criador para que você possa confiar no processo das estações e nos ciclos da vida, pois depois da noite, vem o dia, assim como depois do inverno vem a primavera. E lembre-se que o que lhe ajudará a manter a força nos seus momentos difíceis é ajudar os outros a passarem pelos deles. Esteja disponível para um amigo quando ele precisar de apoio. Ligue para eles para saber como estão. Dê-lhes um abraço. Faça com que saibam que você está lá para eles. Seja a melhor esposa, irmã, mãe, amiga, pai, irmão que você pode ser. Eu sei que vocês podem fazer isto. Sabendo que não estamos sozinhos é, às vezes, tudo o que precisamos para atravessar o inverno, até que as lindas flores floresçam mais uma vez.

Cuidem-se.

Recebam todo o amor que tenho por vocês,

Karen

Nesta época do ano, quando o clima está frio e os dias são mais curtos, eu penso em todas as sementes que estão a espera no fundo da terra. Eu penso na beleza que virá na primavera, mesmo agora quando as folhas estão morrendo, e parece não haver nem cor, nem vida. Eu penso em toda vida que ainda está por vir.

É assim que funciona a vida. Existe um ciclo das estações e assim também acontece em nossas vidas. Eu gostaria de dizer que na vida não teremos invernos – mas teremos. Eu gostaria de prometer uma vida sem desafios, mas não posso. Estar vivo é ter desafios. A chave para superar esses momentos é enxergá-los da forma que realmente são: oportunidades para aprender, crescer e chegar cada vez mais perto da realização. Na porção desta semana, José se encontra em situações bem difíceis. Seus irmãos tentaram matá-lo, e como não conseguiram, eles o jogaram em uma cova. Então, o venderam como escravo a estrangeiros, em uma terra desconhecida onde ele acabou na cadeia por um crime que não cometeu. Nada fácil, certo pessoal? Esses tipos de situações aparentemente nunca acontecerão para nós, mas com certeza nos veremos em alguns momentos negativos durante a vida.  Momentos em que questionamos: “Deus, por que isto está acontecendo comigo?”. Momentos em que dizemos: “Ei, eu sou uma boa pessoa. Olhe para todo o bem que já fiz. Eu doei algum dinheiro quando eu pude. Eu ajudei alguns amigos quando eles precisaram. Eu não matei ninguém. Por que isso está acontecendo comigo?”.  Quando sentimos que a vida está nos jogando uma bola com efeito e as coisas ficam difíceis, vamos tentar nos colocar em um lugar onde podemos apreciar que tudo que está acontecendo é para nosso próprio bem, mesmo não entendendo o motivo. Um lugar onde confiamos no Criador e na sabedoria do Universo.

José manteve a certeza de que tudo que estava vivendo vinha da Luz e por uma boa razão. E mais, ele sabia que o que estava vivendo era mesmo necessário. Caso José não tivesse sido vendido ao Egito, a limpeza espiritual do povo de Israel não teria acontecido. Por causa de seu nível de consciência, José transformou cada perigo em uma benção.  A maioria de vocês sabe como a história termina. José se torna o governador de todo o Egito e todas as riquezas passaram por suas mãos. Nós também podemos nos elevar até esse nível. Todos nós temos o poder de José dentro de nós e conseguimos acessá-lo ao saber que há o bem em todas as dificuldades que estamos enfrentando. Com frequência, ao mudar um pouquinho nossa percepção, podemos apreciar cada desafio como um passo importante e vital para o nosso próximo nível. Cada um de nós, eu espero, pode olhar para trás em nossas vidas e ver como a maioria das experiências difíceis deram lugar a algumas das maiores bênçãos. Aposto também que podemos ficar gratos por nossas preces não terem sido atendidas naquele momento. Encontre o diamante bruto. Tire um momento para apreciar a beleza da paisagem enbranquecida do inverno. Esteja disposto a ver que a semente não pode crescer a não ser no frio e no escuro solo da Terra. Valorize-se a fim de enxergar que o que está acontecendo agora em sua vida é para o seu próprio bem. Qualquer obstáculo que você esteja enfrentando é parte do processo para que o bem encontre o caminho até você. Ame o Criador para que você possa confiar no processo das estações e nos ciclos da vida, pois depois da noite, vem o dia, assim como depois do inverno vem a primavera. E lembre-se que o que lhe ajudará a manter a força nos seus momentos difíceis é ajudar os outros a passarem pelos deles. Esteja disponível para um amigo quando ele precisar de apoio. Ligue para eles para saber como estão. Dê-lhes um abraço. Faça com que saibam que você está lá para eles. Seja a melhor esposa, irmã, mãe, amiga, pai, irmão que você pode ser. Eu sei que vocês podem fazer isto. Sabendo que não estamos sozinhos é, às vezes, tudo o que precisamos para atravessar o inverno, até que as lindas flores floresçam mais uma vez.

Cuidem-se.

Recebam todo o amor que tenho por vocês,

Karen